Casa & Estilo de Vida, Lanterna, Outdoor

Melhor lanterna: como escolher

junho 5, 2020
Tempo de leitura 7 min

Podemos afirmar que quase todo mundo possui uma lanterna. Porém, com a vasta gama de produtos disponível no mercado é normal nos perguntarmos se há alguma diferença entre eles e como escolher a melhor lanterna.

Essencialmente, existem diferenças. Embora todas as lanternas do mercado forneçam luz, seus benefícios variam muito. Ao longo dos últimos anos houve um aumento de procura deste tipo de produto, então separamos algumas perguntas que vão te auxiliar a escolher a melhor lanterna de acordo com seu estilo de vida e suas necessidades:

  • Para qual atividade você utilizará a lanterna? Exemplos: para corrida noturna, para deixar em casa como luz de emergência, para acampar etc.
  • Você se beneficiará mais de uma lanterna, lampião ou lanterna de cabeça durante sua atividade? Por exemplo, é desconfortável correr segurando uma lanterna, então uma lanterna de cabeça é uma escolha melhor.
  • Você quer uma lanterna com baterias recarregáveis ou que seja alimentada por pilhas descartáveis? Por exemplo, em situações urbanas você estará próximo a fontes de energia que possibilitam a recarga. Já em situações outdoor, pode ser mais fácil levar pilhas extras por não existirem oportunidades para recarregá-las.

Uma vez que você tem uma ideia melhor de qual tipo de lanterna combina com sua necessidade, é importante se familiarizar com os termos comumente utilizados (e o que eles significam) para facilitar sua escolha:

Lúmens (lm)

A quantidade de luz que você enxerga de uma fonte de luz. De uma maneira geral, quanto maior a quantidade de lúmens, mais iluminação você terá. Uma lanterna de 500 lúmens será mais brilhante que uma de 200 lúmens, por exemplo.

melhor-lanterna-lumens-ledlenser

Alcance

Medido em metros, significa a distância que a luz é capaz de atingir antes de diminuir. A distância vai variar dependendo do nível de intensidade da lanterna (por exemplo: baixo, médio, alto, boost etc.). O alcance máximo do feixe de uma lanterna normalmente é uma das informações principais do produto.

Autonomia

A autonomia é calculada de acordo com a intensidade e a configuração individual do produto. Uma lanterna no nível baixo de intensidade terá maior autonomia que no nível alto (forte) ou boost, pois ela precisará de mais energia para criar uma luz mais brilhante drenando a bateria mais rapidamente. Normalmente as empresas informam a autonomia levando em consideração o uso do produto no nível baixo.

Classificação IP (Ingress Protection)

É a proteção que o produto possui contra poeira e água. O primeiro número é o nível de proteção contra poeira (6 é o maior) e o segundo número é a proteção contra água (sendo 8 o maior). Quanto maior o número, melhor a proteção. Caso veja um X ao lado da classificação IP, significa que o item não teve sua resistência testada. Uma lanterna IPX8, por exemplo, oferece o máximo de resistência contra a água, mas não foi submetido a testes contra a entrada de objetos sólidos. Se quiser mais sobre as classificações IP, é só clicar aqui.

Agora que você sabe de tudo que precisa para fazer a melhor escolha, seguem as razões mais comuns pelas quais as pessoas procuram uma lanterna e algumas de nossas recomendações:

Uso geral em casa

Para pequenas tarefas em casa, é melhor ter um produto fácil de usar, compacto e leve. Você não vai necessariamente precisar de uma lanterna com inúmeras funções, mas deve procurar por opções duráveis, com boa autonomia e custo x benefício. Se você preferir uma lanterna, recomendamos a SL-Pro220. Se quiser uma lanterna de cabeça, a NEO4 é indicada para você.
Vale lembrar que as lanternas de cabeça são excelentes para realizar tarefas nas quais você precisa das mãos e não pode ficar segurando uma lanterna. Alguns exemplos são durante a montagem e desmontagem de móveis, para checar o motor do carro ou para realizar a limpeza de cantos escuros e vãos em sua casa.

 

Uso ao ar livre/outdoor (trekking, camping)

Se você está procurando uma lanterna para usar em aventuras no geral, precisa de um produto que tenha bastante autonomia, potência (lúmens) e alcance. Já para iluminar ao redor de um acampamento, um lampião é o ideal. As lanternas mais populares para uso outdoor são da linha MT. Se você preferir uma lanterna de cabeça, sugerimos a linha MH. Já se optar por um lampião, a linha ML é a indicada para você.
Citamos as linhas MT, MH e ML, pois as atividades outdoor podem compreender desde um simples acampamento com a família até a exploração e estudo de cavernas. Cada uma delas possui requerimentos muito diferentes em relação à autonomia, potência e alcance, cabendo a você decidir qual dos produtos se encaixa melhor em sua necessidade.

Ambiente de Trabalho

Em ambientes de trabalho, seu produto provavelmente precisa de maior durabilidade e robustez. Você pode procurar por itens específicos que ofereçam diferenciais como aro anti-rolamento, corpo texturizado para aumentar a firmeza da empunhadura ou até mesmo proteção em ambientes explosivos (ATEX). Se estiver usando luvas, dê preferência a lanternas com botões de acionamento de fácil manuseio para poder utilizar seu equipamento sem problemas. Outro ponto a se considerar é a compatibilidade com pilhas alcalinas; caso sua bateria acabe e você não tenha acesso à uma tomada ou fonte de energia, você pode simplesmente trocar as baterias por pilhas e continuar suas tarefas. Os produtos da linha i (industrial) são uma ótima sugestão para atender essa finalidade, pois englobam lanternas, penlights, lanternas de cabeça, lanternas articuladas e até mesmo holofotes.

Situações de emergência

Estar sempre preparado e possuir um kit de emergência é uma ótima ideia. Uma lanterna deve ser parte integrante do kit, esteja ele no carro, em casa ou no trabalho. Sua luz não precisa ser extremamente forte, mas deve iluminar os arredores para que você não tenha problemas.
Um diferencial é escolher um produto que utilize tanto baterias recarregáveis quanto pilhas alcalinas, pois não haverá empecilhos se não houver uma fonte de energia disponível (em caso de apagão, por exemplo). Uma boa escolha para este cenário é o lampião ML6, pois apresenta bateria recarregável, mas também é compatível com 2 pilhas CR123A. Além disso, ele tem modo SOS e autonomia de até 70 horas.

Porte diário (EDC ou Everyday Carry)

Ao procurar uma lanterna para acompanhá-lo em seu dia-a-dia, devem ser levados em consideração todos os pontos explicados acima. Você utilizará essa lanterna durante seu trabalho (e precisa de um item mais específico) ou deseja um produto mais leve e compacto, para carregar no chaveiro?
Se você se encaixa no segundo caso, a K4R é uma ótima sugestão: é fácil de usar e seu botão de acionamento permite que você ilumine rapidamente o que precisa. Além disso, ela também possui modo SOS para emergências.

Então, qual a melhor lanterna?

A melhor lanterna será aquela que atende às suas necessidades de luminosidade, autonomia, alcance, funções, tamanho e alimentação. Não existe um produto perfeito para todos os casos. Também é importante prestar atenção em especificações falsas (como quantidades elevadas de lúmens), além buscar itens originais e de qualidade. Para comparação, um farol náutico possui cerca de 75000 lúmens.

A Ledlenser é uma empresa alemã, referência no mercado mundial de lanternas. Seus produtos contam com até 7 anos de garantia, além de tecnologia de ponta e características exclusivas como o AFS (Advanced Focus System). Confira a linha completa da marca clicando aqui.

Agora que você está mais familiarizado com os vários tipos, estilos e os prós e contras de cada produto, esperamos que você encontre a melhor lanterna para você!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário