Cutelaria

Marca Benchmade: saiba como surgiu e como alcançou o que é hoje

junho 28, 2019
Tempo de leitura 6 min

Atingir e manter um padrão de excelência elevado no ramo da cutelaria é uma tarefa extremamente complexa e rara de ser realizada. Poucas marcas são capazes de produzir artigos desse tipo em grande escala, durante longos períodos, mantendo os mesmos parâmetros de qualidade, durabilidade e resistência. Entre elas está a marca Benchmade, que já faz parte desse seleto grupo há algumas décadas.

Sua origem está diretamente relacionada com o idealismo e empreendedorismo de um único homem, responsável por criar a empresa que hoje emprega quase 400 funcionários e fabrica uma série de produtos utilizados ao redor do planeta, principalmente por praticantes de esportes de aventura, socorristas, policiais e militares.

Se você quer conhecer os detalhes do surgimento da Benchmade, as etapas que a empresa precisou superar até alcançar o status que detém atualmente, bem como as principais características dos seus produtos, basta prosseguir a leitura!

Origens e evolução da marca Benchmade

Les de Asis e o canivete balisong

É impossível falar sobre a Benchmade sem fazer referência a um tipo muito peculiar de canivete de origem filipina chamado balisong. A tala do balisong é segmentada em duas porções de mesmas dimensões que abrigam sua lâmina. Por meio de um movimento de rotação, a lâmina é liberada, ficando pronta para ser utilizada em uma fração de segundo.

Esse método de abertura diferenciado, que requer um certo nível de destreza, sempre chamou a atenção de quem se interessa por autodefesa. Mas foi a partir da década de 1970, quando passou a figurar em diversos filmes de ação, que o balisong começou a ganhar mais popularidade.

Graças à sua ascendência filipina, o norte-americano Les de Asis já conhecia esse tipo de canivete desde criança. Porém, considerava os produtos comercializados na Califórnia, onde morava, de baixa qualidade. Em 1979, Les de Asis idealizou um modelo de canivete balisong e, com a ajuda de Victor Anselmo, um mestre em cutelaria, confeccionou na sua garagem o protótipo que daria origem à Benchmade.

Da garagem para o mercado consumidor

Les de Asis apresentou seu protótipo ao dono de uma loja de armas, que prontamente lhe encomendou 100 unidades. Para conseguir produzir o canivete em escala, Les alugou uma sobreloja e adquiriu o maquinário de um fabricante que estava se aposentando.

Paralelamente, também providenciou o registro da marca Bali-Song®, o primeiro nome de sua empresa. O logotipo escolhido representava uma borboleta, já que os canivetes balisong também são chamados de butterfly (borboleta em inglês) por conta do movimento produzido durante a abertura.

A ótima receptividade de seus produtos pelo mercado fez com que a empresa ampliasse o seu catálogo, passando a fabricar outros modelos de canivetes e também explorar o mercado de facas. A diversidade de produtos ensejou a mudança no nome da empresa, que passou a se chamar Pacific Cutlery Corp.

“Dores do crescimento” e a mudança para Oregon

Produzir em grande escala criou alguns problemas operacionais graves para a empresa de Les de Asis, principalmente quanto à prática de preços competitivos e à distribuição dos produtos. A situação acabou se tornando insustentável, obrigando-o a fechar a Pacific Cutlery Corp em 1987.

Disposto a não cometer os mesmos erros, no ano seguinte Les abriu uma nova empresa batizada de Benchmade. Seu objetivo era garantir excelência na qualidade dos seus produtos e no atendimento aos clientes, além de uma distribuição eficiente.

Mas o passo mais importante para a Benchmade se estabelecer como uma das principais referências no ramo da cutelaria mundial ocorreu em 1990, quando a sede da empresa mudou de endereço: deixou a Califórnia para se instalar no Oregon, estado que é historicamente conhecido por sua grande produção de aço, além de ser considerado um dos mais evoluídos em matéria de tecnologia industrial.

Consolidação definitiva da marca

Na metade dos anos 1990 as instalações da Benchmade se tornaram pequenas para o volume de produtos que a empresa passou a fabricar. Assim, grande parte do lucro aferido até então foi investido na construção de uma nova fábrica com área de aproximadamente 14.000 m², quase dez vezes maior que a anterior, onde a linha de produção e os escritórios da empresa funcionam até hoje.

A prática de promover investimentos em infraestrutura, tecnologia e design tem sido uma constante na gestão da Benchmade, que, apesar de ter uma extensa linha de produtos em seu catálogo, mantém no logotipo a mesma borboleta que representava o canivete balisong quando Les de Asis iniciou sua empreitada.

Principais diferenciais da Benchmade

Tecnologia

A Benchmade foi a primeira empresa de cutelaria a utilizar laser para cortar e marcar lâminas. Isso permitiu manipular com extrema precisão os tipos de aço da mais alta dureza e resistência. A empresa também é a líder mundial na produção de canivetes com abertura automática e fornece suprimentos para forças militares de diversos países.

Segurança

Desde 1998 a Benchmade produz canivetes com um sistema exclusivo de trava chamado AXIS, considerado um dos mais seguros à disposição no mercado, que reduz significativamente as chances de ocorrer o fechamento acidental da lâmina sobre os dedos.

Toque artesanal

Ao mesmo tempo que a Benchmade faz uso da tecnologia e da automação para gerar mais eficiência, Les de Asis sempre se preocupou em preservar o conceito de que os produtos da empresa são feitos à mão. Aliás, é essa a ideia por trás do nome da marca. Por isso, os componentes de cada unidade são reunidos e montados à mão, por funcionários especializados.

Segmentação em classes

A Benchmade criou quatro classes de produtos diferentes, reunindo em cada uma delas os que apresentam características semelhantes. Tal prática facilita bastante a escolha do modelo mais apropriado para cada situação e cada perfil de consumidor.

  • Blue: equipamentos para o cotidiano, tanto para tarefas domésticas quanto para a prática de esportes de aventura;
  • Black: utilizada por profissionais que lidam com situações emergenciais, como policiais, militares e socorristas;
  • Gold: verdadeiras obras de arte, tanto em relação ao design quanto à qualidade dos materiais utilizados; e
  • HUNT: classe concebida especialmente para atender às necessidades de caçadores, com um cuidado ainda maior em relação à durabilidade e resistência contra corrosão.

Linha de produtos

Embora a Benchmade tenha sua imagem sempre associada ao canivete balisong, seu catálogo de produtos vai muito além disso. Ela fabrica canivetes com diversos tipos de abertura, facas de lâmina fixa, adagas, ferramentas próprias para operações de resgate, afiadores de lâminas, entre outros itens.

Grande parte dos produtos da marca Benchmade podem ser encontrados no site da Crosster, importadora autorizada no Brasil da empresa norte-americana. Faça uma visita e confira os diversos modelos que estão a apenas alguns cliques de distância e podem ser extremamente úteis no seu cotidiano!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário